Entidades demonstraram, através do Ofício 11/2020, a legalidade do requerimento.

Abaixo, veja o documento na íntegra.

Faça um comentário: